Sorocaba - (15) 3225-3882

Notícias

Lajes protendidas pré-moldadas alveolares ganham espaço por versatilidade e rapidez na execução

Lajes protendidas pré-moldadas alveolares ganham espaço por versatilidade e rapidez na execução

Vão, carga, agressividade ambiental e tempo de resistência requerida devem ser observados na especificação desse tipo de laje

Das soluções convencionais de lajes protendidas pré-moldadas existentes no mercado, as lajes alveolares predominam em obras em que a modulação dos vãos é grande - caso de edificações industriais, comerciais e residenciais, construção pesada e infraestrutura urbana, rodoviária e ferroviária.

'Esse tipo de laje é o elemento pré-moldado mais utilizado no mundo, pois pode ser usado nos mais variados tipos de sistema estrutural: metálico, em alvenaria, madeira e concreto armado convencional, além das estruturas pré-moldadas', afirma Bruna Catoia, engenheira responsável pelo Núcleo de Estudos e Tecnologia em Pré- Moldados de Concreto (NETPre) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). As lajes alveolares funcionam também como paredes de tanques para tratamento de água, muros de arrimo e paredes externas e estruturais em construções de todos os tamanhos.

A compra desse tipo de laje passa por fatores como o vão a ser vencido, a carga de solicitação, a agressividade ambiental, o tempo de resistência requerida ao fogo, a possibilidade de expandir a estrutura e se a laje contribuirá para a estabilidade da estrutura. 'As lajes alveolares precisam ter seu comprimento especificado levando- se em conta as folgas e tolerâncias especificadas para estruturas pré-moldadas na NBR 9.062', diz Artur Lenz Sartorti, engenheiro civil e coordenador do Núcleo de Tecnologia de Engenharia e Arquitetura do Centro Universitário Adventista de São Paulo (Nutea/Unasp). 'Se o painel alveolar for cortado com um comprimento menor que o vão a ser coberto, a peça será descartada', afirma. 'Caso o painel seja cortado com um vão maior, ajustes locais na obra serão necessários, aumentando o tempo de execução.'

Fonte: http://construcaomercado.pini.com.br

Brasil terá demanda de 11,9 milhões de moradias até 2027

Brasil terá demanda de 11,9 milhões de moradias até 2027

Conclusão faz parte do estudo “Análise das Necessidades Habitacionais e suas Tendências para os Próximos Dez Anos&rdq

Leia mais
Nova etapa na reforma do prédio do Complexo Humberto Reale

Nova etapa na reforma do prédio do Complexo Humberto Reale

O São Bento deu início ontem às obras para a construção do segundo prédio do Complexo Humberto Reale. O novo

Leia mais
Norma técnica para cálculo de estruturas entra em consulta pública

Norma técnica para cálculo de estruturas entra em consulta pública

Revisão da NBR 6120, que trata sobre ações mínimas a serem consideradas no cálculo de estruturas de edificaç

Leia mais